A inteligência artificial já faz parte do seu celular, carros autônomos e voadores já não são uma realidade tão distante, sistemas digitais estão mudando o conceito de dinheiro, a realidade virtual não está mais limitada a games, e você já pode ser um cidadão digital de um país legítimo.

Acompanhar todas as últimas novidades com um olhar panorâmico pode ser um desafio, mas também é uma boa prática para identificar oportunidades de criar soluções que antes eram inviáveis e se preparar para um futuro complexo. Pensando nisso o Future Today Institute criou o Emerging Tech Trends Report, um relatório anual que destaca, avalia e acompanha novas tendências, e mostra quem são os principais atores que estão criando e se aproveitando dessas inovações. Isso tudo para ajudar empresas, empreendedores e governos a entenderem o cenário atual para inovar sabendo onde pisam.

A edição de 2018 foi lançada no primeiro semestre durante o SWSW – festival onde as principais inovações tecnológicas e de negócios são apresentadas ao mundo – e traz tendências da tecnologia e seus impactos em áreas como inteligência artificial, robótica, marketing e publicidade, jornalismo, entretenimento, trabalho e aprendizado, governo, energia, biotecnologia, agricultura, e até mesmo exploração espacial.

Como funciona o relatório?

O relatório é extenso e traz mais de 200 destaques, mas foi produzido em um formato que facilita a leitura espaçada. Os próprios autores recomendam que ele não seja lido de uma só vez: a ideia do instituto é que ele seja uma referência para as diferentes áreas de atuação, e que seja consultado e absorvido aos poucos para que empreendedores e organizações possam identificar oportunidades reais de ação. Para facilitar o processo de consulta, ele foi dividido entre as principais áreas de estudo das tendências destacadas, e também possui um sumário especial com recomendações de leitura de acordo com campos de atuação.

Cada destaque informa o resumo da tendência, alguns exemplos práticos relacionados, os próximos passos esperados no tema, e as principais organizações que devem protagonizar o desenvolvimento do tópico. Além disso, o relatório também mostra há quantos anos a tendência já está presente na lista, e inclui um gráfico que recomenda o tipo de ação a ser tomada a partir de variáveis como “grau de certeza” e “impacto a longo prazo” estimados.

A seleção das tendências é feita do ponto de vista dos 10 campos que o instituto considera como fonte de todas as grandes mudanças no futuro:

  1. Distribuição de Riqueza
  2. Educação;
  3. Governo;
  4. Política;
  5. Saúde Pública;
  6. Demografia;
  7. Economia;
  8. Meio Ambiente;
  9. Jornalismo;
  10. Serviços e Canais de Mídia

O que está no relatório?

O relatório dividiu as tendências em 19 campos de estudo, além de uma previsão de sinais para 2019. Todos eles informações importantes para guiar e inspirar organizações e empreendedores nesses campos, mas destacamos algumas áreas e temas que são mais explorados.

Inteligência Artificial

As primeiras 27 tendências são dedicadas aos avanços relacionados à Inteligência Artificial e suas diversas aplicações no desenvolvimento de novas ideias. Alguns dos principais destaques do tema são inteligência artificial na nuvem e novos processadores para otimizá-la, o crescimento de rede de vendas de algoritmos, a evolução dos assistentes digitais, o crescimento da China como pioneira nesse desenvolvimento, e diversos processos inovadores de machine learning.

Governo e Tecnologia

O impacto de novas tecnologias em atividades e pautas dos governos também é destaque. Um dos principais temas abordados é a criação do que foi chamado de splinternets, a divisão da internet em redes distintas por conta de legislações locais que regulam conteúdo e acesso. Outra tendência importante é o confronto de novas tecnologias com leis antigas e a forma como os governos precisarão se adequar.

Tecnologias Financeiras e Criptomoedas

Um dos campos abordados que mais chama a atenção do público geral é a evolução de tecnologias como o Blockchain e suas principais aplicações financeiras e de segurança. Mas essa categoria também traz um destaque para nômades digitais e empreendedores internacionais: a possibilidade de se tornar um e-residente de uma nação. Países como a Estônia já adotam a prática, que permite aos aplicantes aprovados a criação de um registro de empresa e uma conta bancária no território da União Européia, o que facilita negócios na região.

Transportes

As tendências do setor de transporte trazem um ar de ficção científica: a automatização dos carros deve ser pauta ainda por algum tempo, mas o relatório também mostra a perspectiva de táxis voadores, estradas solares, a evolução dos drones, e navios e veículos submarinos autônomos. Além dos avanços tecnológicos também são discutidas legislações e patentes, além do que devemos esperar no campo dos carros autônomos já nos próximos anos, e a longo prazo.

Para se aprofundar nesses e em outros temas, baixe o relatório completo no site do Future Today Institute.

Acompanhe o que importa no mundo da tecnologia e da inovação social. Assine nossa newsletter.

Escrito por João Paulo de Vasconcelos

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s